Prefeito Júnior Nóbrega acompanha perfuração de poços no município de Prata

A Prefeitura de Prata, através do prefeito Junior Nóbrega, não mediu esforços e foi em busca através do Governo do Estado, da perfuração de poços no município da Prata. Com o Plano Emergencial através do Procase está sendo realizada a perfuração de 5 poços nas comunidades São Francisco I, São Francisco II, Sítio Catucá, Balanço e Paraíso.
As comunidades que serão beneficiadas também vão receber kits de subirrigação e raquetes de palma resistente a cochonilha do carmim. A ideia é que as famílias beneficiadas possam produzir forragem para seu rebanho. “Por isso, além do poço, vamos distribuir para cada comunidade um sistema de subirrigação por energia solar, e dez mil raquetes de palma forrageira resistente à cochonilha do carmim”, disse o prefeito Júnior Nóbrega.
Além da perfuração dos poços, o Procase já está implantando nas comunidades do município de Prata a construção de barragens subterrâneas, dentro das ações do plano emergencial (Programa Viva Água). As barragens também são acompanhadas pelos sistemas de subirrigação fotovoltaicos e pelas raquetes de palma resistente.
O prefeito Junior Nóbrega, juntamente com o secretário de Agricultura, Genivaldo Fernandes, e o Presidente da Usina de Beneficiamento de Leite de Cabra, Senhor Mario Albino, estiveram acompanhando todo o processo de perfurações de poços nas comunidades.
Segundo o secretário de Agricultura, Genivaldo, a Prefeitura não tem medido esforços para atender a todos sem distinção. “O trabalho é árduo, mas temos conseguido dentro das possibilidades atender todas as comunidades e através desses programas que a Prefeitura tem buscado apoio junto ao Governo do Estado vem ajudando os agricultores do município.
O convênio
O Governo do Estado, por meio do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase), e o Exército Brasileiro, por meio do 1º Grupamento de Engenharia e Construção, assinaram no ano passado um convênio técnico para perfuração de 280 poços tubulares profundos no semiárido paraibano e hoje a primeira cidade a ser executado foi em Prata.

































































Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.