Campanhas de Ricardo e Cássio ao governo custaram R$ 30 milhões, diz TRE-PB

Os candidatos que chegaram ao segundo turno das eleições para o governo da Paraíba declararam ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), nesta terça-feira (25), um gasto total superior a R$ 30,8 milhões nas campanhas de Cássio Cunha Lima (PSDB) e Ricardo Coutinho (PSB). A prestação de contas final das receitas e despesas de campanha mostra que eles gastaram mais do que os R$ 27 milhões arrecadados por ambos.

O governador reeleito Ricardo Coutinho, da coligação “A Força do Trabalho”, gastou R$ 14.115.123,59 e arrecadou R$ 13.017.971,77. Já o candidato derrotado, senador Cássio Cunha Lima, gastou R$ 16.690.620,40 e arrecadou R$ 15.121.899,72.

A maior despesa da campanha de Ricardo Coutinho foi com o pagamento de multas eleitorais, que somam R$ 2,986 milhões, seguida de R$ 1.133.216,77 com cessão ou locação de veículos. A maior fonte de recursos foi de pessoas jurídicas, R$ 6.644.148,03 no total. As receitas provenientes de pessoas físicas somaram R$ 359.100.

Na prestação de contas de Cássio Cunha Lima, o maior aporte de receitas foi de recursos de partido político, R$ 10.940.130. O total doado por pessoas físicas ficou em R$ 375.150. De pessoas jurídicas, o montante foi de R$ 3.753.650,98.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.