Ronaldo isenta árbitro espanhol em lance que tirou Neymar da Copa

O ex-jogador Ronaldo isentou o árbitro espanhol Carlos Velasco Carballo no lance que tirou o craque Neymar da Copa do Mundo. Presente na coletiva de imprensa diária que a Fifa concede durante o mundial, o Fenômeno disse, na manhã deste sábado, que o comportamento do árbitro na partida teve influência na forma como Zuñiga entrou na disputa de bola com Neymar.

Ronaldo isentou o árbitro do jogo entre Brasil e Colômbia no lance que tirou Neymar da Copa. (Foto: Vicente Seda)

- O que gostamos é futebol sem interrupção sem falta, sem maldade. Acho que talvez o juiz tenha deixado o jogo correr demais e em algum momento tenha perdido um pouco de autoridade. Poderia ter controlado melhor, ter dado algum cartão no primeiro tempo. Mas acho que não mudou a história do jogo, foi jogado, dinâmico, intenso, não vejo maior responsabilidade do árbitro. Não podemos culpar ninguém pela entrada violenta de um jogador que não visava à bola, mas machucar um companheiro - disse Ronaldo.

A porta-voz da Fifa, Delia Fischer, anunciou que o Comitê Disciplinar da Copa do Mundo do Brasil está analisando o lance que tirou o brasileiro Neymar do mundial. Segundo Delia, o vídeo da entrada de Zuñiga também está sendo revisado na manhã deste sábado e uma decisão se haverá ou não uma punição ao jogador colombiano deve ser anunciada em breve.

Uma definição sobre o caso envolvendo o diretor de comunicação da CBF, Rodrigo Paiva, também é esperada para a tarde deste sábado. Ele é acusado de ter agredido o chileno Pinilla com um soco, na saída para o vestiário, ao fim do primeiro tempo da partida válida pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

Com G1 Esportes

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.