MOÍDO EM SUMÉ: Radialista é acusado de ameaçar ex-vice-prefeito por telefone


Um fato inusitado movimentou mais uma vez a área policial da cidade de Sumé, com contornos aparentemente políticos. O empresário Joao Pereira, ex-vice prefeito do município, representou e lavrou um boletim de ocorrência na Delegacia Regional de Policia Civil do Cariri, em Monteiro, na tarde desta quinta-feira (13), contra o radialista César Alexandre (foto).

De acordo com o B.O. – Boletim de Ocorrência, que foi lavrado na presença do Delegado Dr. Paulo Enio Rabelo, João Pereira recebeu na tarde desta quinta, exatamente às 12h46, uma ligação de celular, e imediatamente depois duas mensagens de SMS. As mensagens continham as seguintes ameaças: “ATENDA CABRA FRACO, AGORA QUEM VAI DIZER A VERDADE SOU EU CABRA FRACO”. Já a segunda mensagem continha o seguinte texto: “EU LHE ACHO AQUI NO FACEBOOK OU NO INFERNO”.

O empresário João Pereira disse em seu depoimento que as mensagens o ameaçaram e desabonaram sua conduta. “Registrei o B.O. para que as autoridades competentes tomem conhecimento e atribuo a conduta criminosa ao radialista César Alexandre, pois já verifiquei com fonte segura que o numero de celular realmente a ele pertence”, explicou João Pereira.

O radialista César Alexandre foi procurado por nossa reportagem para mostrar sua versão sobre os fatos, mas não foi localizado, porém, o espaço está a disposição para que ele se pronuncie.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.