OFICIAL: PT anuncia apoio ao PSB e Ricardo avisa que vai lutar para eleger Lucélio senador


REVIRAVOLTA. Mais uma mudança radical foi oficializada na política da Paraíba com o reencontro do PT com o PSB de Ricardo Coutinho para as eleições deste ano.

Depois da iminência da desistência da candidatura do PMDB ao Governo do Estado e da abdicação da postulação ao Senado pelo vice-governador Rômulo Gouveia (PSD), o Partido dos Trabalhadores se reuniu, em coletiva, na tarde desta quarta-feira (25) e oficializou o apoio à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB).


O anúncio foi feito no Hotel Imperial, na orla de Cabo Branco, em João Pessoa, com as presenças do governador Ricardo Coutinho, que chegou ao local ladeado dos irmãos Luciano e Lucélio Cartaxo, em um total clima de sintonia.

Com a mudança, o irmão do prefeito Luciano Cartaxo deve ser oficializado candidato ao Senado na chapa do socialista. Ainda não se sabe se, diante da atual conjuntura, o PMDB irá marchar com o PSB ou com o PSDB.


Antes da reunião, Ricardo Coutinho concedeu entrevista a imprensa onde destacou que a aliança com o PT visa o engrandecimento e o desenvolvimento de um projeto político e administrativo para o bem da Paraíba. Ele afirmou que esse acordo não será temporário e vai permanecer por vários anos. “Esses dois partidos tem uma afinidade política muito grande”, justificou o governador.

O socialista ainda assegurou que  vai lutar para eleger Lucélio Cartaxo senador da Paraíba e disse que o seu próximo passo agora é trabalhar para trazer o PMDB.




“Seria pouco inteligente PT e PSB não estarem juntos nessa”. Essa foi a primeira declaração durante coletiva de imprensa dada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB), que comemorou a adesão do PT ao seu projeto de reeleição na tarde desta quarta-feira (25).

Acompanhado de várias lideranças, o governador avisou que lutará em prol da eleição de Lucélio e que fará de tudo para onde tiver um voto para Ricardo governador, também deverá ter um voto para Lucélio Senador.

Ricardo aproveitou a ocasião para enaltecer a grandeza da atitude do vice-governador Rômulo Gouveia (PSD), que abriu mão da postulação em prol da aliança com o PT e ratificou todo apoio ao colega de chapa nas eleições deste ano.

“Na Paraíba não haverá retrocesso, pode vim quem vier, nós venceremos estas eleições”, sentenciou.

REJEIÇÃO

A aliança, no entanto já encontra algumas rejeições, a exemplo do vereador Bira Pereira (PT). Ele que já foi filiado ao PSB disse que não aprovava a união entre as duas legendas.

“Na verdade nós somos contra qualquer tipo de diálogo, qualquer tipo de aproximação com o PSB e com o governador Ricardo Coutinho. Sabemos da importância do palanque da presidenta Dilma Rousseff aqui na Paraíba, e esse palanque não vai ser em hipótese alguma abraçado pelo governador Ricardo Coutinho”, disse o vereador.

Os deputados do PT, Frei Anastácio e Anísio Maia não compareceram ao evento e devem engrossar o bloco da rejeição.  

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.